top of page
Parceiros pela música

Aperte o rec: 4 passos para a sua primeira gravação


Dicas para sua primeira gravação

Você começou a tocar um instrumento, tirou algumas músicas e agora quer fazer sua primeira gravação. Então você se pergunta: "Por onde começar? Como fazer? Vou gastar muito dinheiro para gravar minha música?" Seja um cover ou uma música autoral, esse artigo traz 4 passos para você que está começando.


Sua primeira gravação

Antes dede mais nada, há um ponto importante a ser considerado: o objetivo dessa gravação. Antes de dedicar seu tempo e entender detalhes técnicos, escolher equipamentos e pedir orçamentos em estúdios, é importante definir quais os objetivos dessa gravação. Sua intenção é apenas ter um registro pessoal? Você pretende fazer um lançamento? Se sim, já possui um canal de distribuição?


Ao responder essas perguntas, você terá definido o objetivo de sua primeira gravação e terá uma clareza maior do que precisa e de quanto irá gastar para realizá-la. Depois disso é hora de pensar na gravação propriamente dita. Acompanhe esses passos e prepare-se para a sua primeira gravação musical.


1. Pratique antes

Essa é a primeira dica e por mais óbvia que ela pareça, muita gente erra logo de cara: é preciso praticar a música bastante antes de gravá-la. Ensaie, foque nas partes que parecem mais difíceis ou que não estão soando muito bem.


Não deixe para criar arranjos ou inventar um solo na hora da gravação. Especialmente se você está pagando um estúdio para realizar essa gravação, não é sensato gastar mais dinheiro em horas de estúdio com uma coisa que você poderia ter levado pronta.


Mesmo que você vá gravar em casa, a prática antes da gravação irá poupar seu tempo e também sua paciência. Esteja pronto para que, na hora da gravação, sua preocupação seja apenas a gravação e não aquela parte do solo que você não está seguro ou segura em realizar. Ou aquele agudo que às vezes fica fora do tom quando você canta.


2. Escolha os equipamentos

Essa é a parte mais técnica da sua gravação. Para iniciantes, isso pode ser um desafio. Nesse artigo, vamos deixar as coisas bem básicas já que a ideia é dar dicas para a sua primeira gravação. Com a prática e a experiência, você irá progredir e entender mais sobre esse assunto.


A gravação pode ser feita com seu computador ou celular. Para computador, existem diversos programas, chamados de DAW (digital audio workstation), como o Pro Tools, o Reaper e o Garage Band. Alguns programas possuem versão mobile ou aplicativo para celular e também há aplicativos exclusivos para celular como o Wavepad. A maioria dos programas, softwares ou aplicativos, além de gravar, permite também editar, ou seja, cortar, apagar e adicionar trechos, remover ruídos entre muitas outras opções de edição.


Você pode gravar o áudio captando o som com o dispositivo ou plugar um microfone para captar o áudio. Existem diversos tipos de microfones para os mais variados usos: voz, instrumentos, microfones que captam todo o ambiente ou que captam o som em detalhe. Caso você use um microfone, irá precisar de uma mesa de som ou interface de áudio para ligá-lo ao computador ou celular.


3. Experimente

Com a música ensaiada e os equipamentos e softwares escolhidos e plugados, é hora de apertar o rec. No entanto, não é preciso começar gravando uma música inteira. Se estiver gravando em casa, faça testes. Grave trechos. Comece com o equipamento mais básico possível: o seu celular. Brinque com as opções da DAW (ou aplicativo) que você escolheu. Com isso você poderá experimentar diversas coisas, como efeitos, timbres e até a acústica do local, por exemplo. Perceba como soa sua gravação. Teste mais uma vez.


4. Use o metrônomo

Outra ótima dica sua primeira gravação é usar o metrônomo (ou click). Mesmo que você seja bom em tocar no tempo, o metrônomo vai fazer com que você mantenha o ritmo certo durante toda a música. Além disso, na hora da edição, fica muito mais fácil cotar ou adicionar trechos se a gravação foi feita com click.


Tudo pronto para sua primeira gravação? Não se esqueça que é preciso se divertir com a experiência. A música, como falamos nesse outro artigo, desperta emoções positivas e estimula a liberação de endorfinas, os "hormônios da felicidade". Isso cria uma sensação de bem-estar e prazer.


Comments


bottom of page